Polícia Civil cumpre mandados de prisão contra dupla de assaltantes

Polícia Civil cumpre mandados de prisão contra dupla de assaltantes

legenda: Eles são acusados de terem participado de pelo menos três assaltos ocorridos na cidade neste ano

Foto Fonte: Divulgação

Policiais civis Delegacia de Polícia de Taquarituba cumpriram mandados de prisão preventiva manhã de quarta-feira, dia 11/12, contra M. H. C., de 21 anos, e M. H. G., de 28, acusados de terem participado de pelo menos três assaltos ocorridos na cidade neste ano.

A ação foi desenvolvida sem que houvesse qualquer tipo de incidente para os policiais e os presos. A dupla, inclusive, foi reconhecida pelas vítimas, via procedimento específico na unidade policial, com a participação dos agentes que participaram da elucidação dos crimes.

Os dois presos possuem antecedentes criminais. O mais velho está fichado desde 2010, com passagens por tráfico e associação para o tráfico de drogas, porte de arma de fogo e embriaguez ao volante. Seu comparsa já praticou delitos como furto e receptação. Os dois estão custodiados no Centro de Detenção Provisória de Cerqueira César, onde aguardam decisão da Justiça. Um inquérito foi instaurado para dar prosseguimento aos casos.

O primeiro assalto ocorreu em no dia 1º de junho. A vítima foi um taxista de 66 anos. Segundo a investigação, ele atendeu a um pedido de corrida de dois homens e durante o trajeto foi agredido e imobilizado. Os assaltantes fugiram levando R$ 100 que o motorista tinha na carteira.

O outro roubo aconteceu em 30 de setembro. Desta vez, ladrões invadiram uma residência no Jardim Dona Carmelia. O morador, um homem de 74 anos, informou que três pessoas participaram do assalto, um deles com arma de fogo. Disse ainda que lutou com dois deles, mas foi contido. Dele foram subtraídos R$ 12 mil e um telefone celular. Esse terceiro elemento está sob investigação.

O fato mais recente é datado de 29 de novembro. Mais uma vez o alvo foi uma casa, onde estavam pai e filha, respectivamente com 77 e 52 anos. Era início de noite quando dois bandidos entraram e anunciaram assalto. Também nesse caso havia um portando arma de fogo. O homem tentou reagir e foi agredido. A mulher gritou por socorro e foi ameaçada de morte por um dos indivíduos. Ao final, a dupla saiu do imóvel com R$ 3 mil.

Nos três casos registrados pela Polícia Civil há informações de que em todos os roubos os criminosos agiram com extrema violência contra as vítimas, fato que pode agravar ainda mais a pena. Ambos eram moradores da cidade.

Compartilhar:
Veja Também
cadijaleo
ronamesmo