Juca Novaes e Bruna Caram se apresentam hoje em São Paulo

Juca Novaes e Bruna Caram se apresentam hoje em São Paulo

legenda: Tio e sobrinha apresentam canções de seus mais recentes trabalhos fonográficos

Fonte da Foto: Google Imagens

Os avareenses Juca Novaes e Bruna Caram, tio e sobrinha (Bruna é filha de Lúcia Novaes, irmã de Juca) lançarão hoje, 21 de fevereiro,seus mais novos respectivos trabalhos: Juca apresentará as canções do CD "Canções de Primeira - Volume 2" e Bruna as faixas do CD "Multialma".

O CD de Juca - Dois anos depois do lançamento do volume 1, também pela Dabliú Discos, surge agora o "Canções de primeira - volume 2". A exemplo do primeiro, Juca interpreta canções de primeira linha (e primeira audição, pois, enquanto produtor do festival, ouviu em primeira mão cada uma delas). Dentre elas, "Virou areia" (Lenine / Bráulio Tavares); "Uma noite sem você" (João Linhares); "Minha nossa senhora" (Fátima Guedes - com participação da cantora Dandara); "Um dia eu mudo daqui" (Sérgio Augusto), "Alafim" (Moacyr Luz), "Carvão e giz" (Luiz Carlos da Vila / Paulo César Feital), "Tatame" (Léo Bianchini / Ricardo Teté), a mineira "Canoeiro" (Sérgio Santos / Tadeu Franco - com participação de Duo Fel e Lula Barbosa), o samba "Operário padrão", do paulista César Brunetti. Um dos destaques é a já clássica "Bèradêro", numa versão piano e voz que valoriza a grande canção de Chico César. 

O disco termina com "Noites de Avaré", poema de Ana Terra musicado por Juca, que também toca os pianos no disco, ladeado por Sérgio Bello (produtor musical do CD, além de tocar baixo, violão e guitarra), e as percussões de Valentino Menezes, fazendo jus às palavras de Roberto Menescal, que considerou o volume 1 do projeto "uma aula de simplicidade e qualidade artística". Tal nível é alcançado, mais uma vez.

"É um universo inesgotável", afirma Juca, referindo-se aos 34 anos de existência do festival, o que permitiria a gravação de muitos outros discos, como volume 3, volume 4 (...).

O lançamento acontece no Bourbon Street Music Club (Rua dos Chanés, 127, Moema), às 21h30, com participações de Duofel, Dandara e Lucila Novaes.

Multialma - O CD apresenta parcerias inéditas da cantora e compositora paulista com Chico César, Duda Brack, Pedro Luís, Roberta Sá e Zeca Baleiro, sendo que Chico e Roberta fazem duetos com Caram no disco. O repertório autoral de Multialma tem tom feminino e leve toque regionalista.

Com Chico César, Caram compôs e gravou Par, música de temática marítima feita por e-mail. Da parceria inaugural com Duda Brack, Caram canta Nem pensar. Já a música composta e gravada com Roberta Sá, Boa companhia, é tema boêmio adornado pelo toque do violino de Antônio Nóbrega. Pedro Luís e Zeca Baleiro são parceiros de Viu? e Dispare, respectivamente.

Produzido por Alexandre Fontanetti, Multialma é disco de repertório quase inteiramente autoral. Sozinha, sem parceiros, Caram assina as composições Abrigo, Violeta e Vou pra rua. A única música de lavra alheia é a toada Além da última estrela, composta por Dominguinhos (1941 – 2013) com Fausto Nilo e lançada há 24 anos na voz de Maria Bethânia no álbum Olho d’água (1992). A composição nunca tinha sido regravada desde então.

O lançamento em São Paulo será no Teatro Porto Seguro (Avenida Barão de de Piracicaba, 740, Campos Elíseos), às 21h, com participação de Chico César.

Compartilhar:
adalgisa e toninho
Pilates
mensagem leo diego e carla
Veja Também