Governo de SP volta atrás e diz que manterá Projeto Guri

Governo de SP volta atrás e diz que manterá Projeto Guri

legenda: Projeto Guri de Avaré em apresentação no Centro Cultural Esther Pires Novaes

Fonte da Foto: Secretaria da Cultura

O governador do Estado de São Paulo, João Dória, voltou atrás e afirmou em coletiva nesta segunda-feira (1) que vai manter o Projeto Guri e que não haverá demissões. Segundo a administração estadual, nenhuma criança ficará sem atendimento.

No último sábado (30), o governo havia dado outra informação sobre a questão, anunciando publicamente que iria fechar unidades do projeto devido à falta de verba. Diante da notícia, alunos do interior se mobilizaram nas redes sociais.

Agora, o governo diz que não irá mais encerrar o projeto, mas que precisará fazer alguns ajustes de gastos. Em todo o estado, o Projeto Guri tem 400 polos que oferecem aulas de música, canto e outras atividades para 50 mil crianças e adolescentes.

Ao longo desta semana, funcionários das unidades das regiões de Campinas, Presidente Prudente, Itapetininga, São Carlos e Araraquara receberam aviso prévio de que encerrarão suas atividades.

A Organização Social (OS) Associação Amigos do Guri, que administra o projeto no litoral e no interior não informou quantas unidades serão fechadas, mas confirmou o aviso prévio a parte dos funcionários. A Secretaria de Estado Cultura disse que vai reduzir as vagas por causa do corte de R$ 150 milhões no orçamento.

Compartilhar:
Guardião
Veja Também