Fernandes fará escultura de Djanira para doar ao município

Fernandes fará escultura de Djanira para doar ao município

legenda: O criador e sua obra: cartunista Fernandes e o rosto da pintora avareense

Fonte da Foto: Montagem O Victoriano

Admirador confesso da pintora Djanira, o premiado artista gráfico Luiz Carlos Fernandes vai prestar outra homenagem à grande artista de maneira inovadora: com uma escultura em tamanho natural. Em parceria com o escritor Gesiel Júnior, ele lançou em novembro último um livro em formato de história em quadrinhos para contar a vida da pintora conterrânea, considerada uma das três damas da arte brasileira no século vinte. 

    Entretanto, não será a primeira obra do gênero de Fernandes. Inventivo, no ano passado ele conquistou o Grande Prêmio do Salão Internacional do Humor de Piracicaba, por ter confeccionado uma escultura estilizada do pintor Pablo Picasso. 

Agora, o artista que mora em Santo André e trabalha como ilustrador do Diário do Grande ABC, se debruça para fazer uma escultura da artista da sua predileção. “Djanira é a mais brasileira das nossas pintoras. É fascinante a sua trajetória de vida, pois ela soube transformar suas dores e cores. Merece, portanto, ser lembrada sempre”, diz o cartunista. 

A proposta de Fernandes é doar o monumento ao acervo artístico do município e instalá-lo no Centro Avareeense de Integração Cultural (CAIC), na frente do Memorial Djanira. De acordo com os seus esboços iniciais, a ideia é compor o monumento mostrando a artista com pincel na mão. 

Informado da intenção do artista, o secretário da Cultura Diego Beraldo afirmou que a Prefeitura pretende apoiá-lo tão logo saiba do material a ser empregado para a produção da escultura. “O trabalho vai brotando aos poucos, sem pressa”, diz o escultor, que ainda não sabe estimar quando vai concluí-lo. Fernandes tem aproveitado as horas vagas e já fez em casa os primeiros protótipos da obra, cujas postagens já podem ser vistas nas redes sociais.

Compartilhar:
Guardião
Veja Também