Compositor centenário é homenageado com lançamento de CD autoral

Compositor centenário é homenageado com lançamento de CD autoral

legenda: Evento aberto ao público acontece no sábado, 19, às 19 horas, no Centro Cultural

Fonte da Foto: Secretaria da Cultura

O Centro Cultural “Esther Pires Novaes” vai ser palco do lançamento do disco “A Flor que Eu Colhi”, que traz músicas do compositor Benedito Berna, de 100 anos de idade.

Aberto ao público, o evento promovido pela Secretaria Municipal de Cultura acontece no sábado, 19, às 19 horas.

Com 12 canções autorais, o trabalho traz amigos e familiares como intérpretes. Os preparativos tiveram início em novembro de 2018. O produtor Fernando Sanfa escreveu as partituras e fez os arranjos com base nas gravações de Berna feitas em fitas cassetes antigas.

Além de celebrar a longevidade do poeta, o disco também expressa as origens do homenageado.

“Durante toda sua longa vida, Benedito Berna procurou ser um bom exemplo de homem cristão e traduziu sua vida em prosas e versos que merecem ser cantados e tocados por muitos”, afirma o filho José Miguel.

TRAJETÓRIA - Filho de agricultores, o avareense Benedito Berna trabalhou na roça quando criança e não frequentou a escola, embora tenha aprendido a ler.

Aos 12 anos, começou a tocar o violão que ganhou de um tio. Casou-se com Aparecida Ferrante em 1942 e mudou-se para a capital, onde permaneceu por 56 anos.

Depois de voltar para terra natal em 2003, concorreu com a música “Escravo Violão” na 25ª Feira Avareense da Música Popular (Fampop), tendo sido apontado na época como o mais velho compositor a participar do festival.

A composição em questão está no CD que será lançado. Outras informações podem ser obtidas pelos telefones (14) 9 9828-0724 ou (14) 3733-6633 (falar com Miguel ou Solange).

Compartilhar:
Guardião
Veja Também