Audiência discute nesta quarta, lei que regulamenta provas com animais

Audiência discute nesta quarta, lei que regulamenta provas com animais

legenda: Evento ocorre na Câmara Municipal a partir das 19 horas

Fonte da Foto: ABQM

Diante de uma questão que merece ser discutida não só entre Prefeitura e Câmara de Vereadores, mas também com os mais diversos setores da sociedade avareense, ocorre na noite desta quarta-feira, 8, uma Audiência Pública que tem por finalidade por em debate a lei que regulamenta provas equestres em Avaré.

O Projeto de Lei é do Executivo, de autoria do prefeito Jô Silvestre, e regulamenta a realização de provas esportivas com equinos e bovinos no âmbito municipal, almejando com isso trazer de volta para Avaré os grandes eventos promovidos pela Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Quarto de Milha (ABQM).

A matéria enviada à Câmara também assegura o bem-estar animal, uma vez que obriga a fiscalização com o objetivo de coibir eventuais maus tratos. O projeto está previsto para ir à votação em Plenário na próxima segunda-feira, 13, e por isso a Mesa Diretora da Câmara quer promover essa audiência pública para debater esse assunto que divide opiniões não só entre os vereadores, mas também entre a população e ONGs defensoras dos animais.

PRÓS E CONTRAS

É sabido que existem vereadores que se manifestam contrários ao projeto do prefeito Jô Silvestre, como é o caso do petista Ernesto Ferreira de Albuquerque, que já falou por várias vezes que é contra provas que podem provocar maus tratos aos animais. Ele, inclusive, apresentou um vídeo mostrando uma prova realizada pela ABQM em Avaré há tempos, onde um bezerro é laçado de forma truculenta.

Por outro lado, vereadores da base argumentam que os eventos da ABQM são benéficos para Avaré, pois fomentam o comércio em geral, bem como a rede hoteleira, e geram empregos diretos e indiretos. Até mesmo entidades de classe, como a Associação Comercial Industrial Agropecuária de Avaré (ACIA), estão se mobilizando para apoiar o projeto do Executivo.

“Esperamos contar com a presença dos associados interessados para ajudar nessa empreitada, e também que conclamem as pessoas que sabem da importância do assunto para a economia e consequentemente a geração de empregos em nossa cidade, para comparecerem e mostrarmos aos vereadores que irão votar o projeto o quanto é importante para Avaré”, diz a nota enviada pela ACIA e assinada pelo presidente Cássio Jamil.

PROIBIÇÃO JUDICIAL - Vale lembrar que a Justiça da Comarca de Avaré, acatando o pedido de uma ONG defensora dos animais, proibiu a realização de eventos do tipo prova do laço no município, o que acarretou na transferência dos eventos da ABQM para outras cidades e gerando esse impasse que perdura até agora.

A Audiência Pública está marcada para as 19 horas desta quarta-feira, 08, na Câmara Municipal, e é aberta à participação da população em geral, que pode, inclusive, opinar durante o evento.

Compartilhar:
Guardião
Veja Também