Antiga estação ferroviária de Avaré será restaurada

Antiga estação ferroviária de Avaré será restaurada

legenda: Reintegração de posse do prédio aconteceu no último dia 17 de junho

Fonte da Foto: Vilma Zanluchi

Uma ótima notícia: a antiga estação ferroviária de Avaré, localizada na Avenida Major Rangel, será restaurada. É o que nos diz a página Renascer Ferroviário, no Facebook. A postagem destaca que a reintegração de posse do prédio aconteceu no último dia 17 de junho, segunda-feira. 

"Em breve a estação será totalmente restaurada em seus padrões originais e terá sua plataforma reconstruída, considerando que a mesma foi cortada para a criação de duas ruas laterais", informam os membros da Associação Renascer Ferroviário. Conforme apurou a reportagem do O Victoriano, local será transformado em espaço para atividades culturais.

Em 2013, na gestão do então prefeito Poio Novaes, Avaré havia conquistado a cessão provisória de uso gratuito das instalações da estação que pertenceu à antiga Estrada de Ferro Sorocabana, depois de um intenso trabalho do Condephac, Conselho que trabalha na desfesa do patrimônio histórico municipal, ligado a Secretaria de Cultura.

Desativado há quase vinte anos, desde a extinção da Fepasa, o imóvel teve sua propriedade transferida ao patrimônio da União por meio de acordo com o governo estadual para quitação de dívidas. Desde 2009, a diretoria do Condephaac juntamente com a Secretaria Municipal de Cultura, faz gestões a fim de obter a concessão de uso das instalações do antigo terminal da Sorocabana para transformá-lo em espaço cultural.

VALOR HISTÓRICO – Reformado e ampliado no final da década de 1920, o prédio serviu como estação ferroviária até o princípio dos anos 1950, quando o leito da ferrovia teve o seu traçado alterado na região. Nos anos seguintes, o prédio acomodou a Escola Artesanal e, por último, a APAE de Avaré.

A partir de então, como passou para o domínio da União, o imóvel ficou sem conservação e passou a ser ocupado por invasores. Tombado em 2009 pelo Condephac pelo seu valor histórico, o prédio é objeto de estudos e pesquisadores apontam a necessidade de o mesmo ser preservado porque veem naquele espaço a maneira de contar não apenas a história da ferrovia como também de uma etapa do desenvolvimento econômico de Avaré. 

Compartilhar:
Guardião
Pilates
Veja Também